sexta-feira, 15 de maio de 2009

Coimbra tem mais encanto na hora de despedida



Coimbra, velha cidade
De ruas medievais;
Do Penedo da Saudade
Onde tantos imortais
Poetas e trovadores,
Tiveram os seus amores
Nos tempos da mocidade…

Coimbra dos estudantes
E das tricanas bonitas,
Das noites inebriantes
Da tua Queima das Fitas…

Coimbra, cidade linda,
Foste sempre e és ainda
A cidade capital
Do amor em Portugal!

Tens na Fonte dos Amores
O amor simbolizado
Por D. Pedro e D. Inês
Num romance consagrado.

Rio Mondego, o Choupal,
O teu Jardim da Sereia
E a Escada Monumental
Junto à Universidade…
Fazem de ti, sem igual,
A mais bonita cidade!
Deste nosso Portugal!...

Coimbra de tradições,
Cidade-mãe de doutores
E da velha Universidade;
Fazes vibrar corações
Por tantas recordações,
Numa palavra…és saudade!


Revivi a Queima, as noites no parque, o cortejo... tinha saudades de Coimbra, mas tenho ainda mais saudades do tempo de estudante ...

Terminar um curso, implica ganhar novas responsabilidade, iniciar um novo ciclo e estabelecer novas metas... aqui estou eu a cumprir a minha parte para tornar o mundo um lugar melhor...

senão ... sou pelo menos um desempregado a menos para as estatísticas desta crise :P

Esta imagem de Coimbra que vos deixo, faz-me relembrar Coimbra no seu máximo esplendor, o traje académico que tantas e tantas vezes envergonhemos...muitos amigos partilharam estes momentos e de certo ao rever esta imagem se recordarão do mesmo que eu :)



é certo... Coimbra tem mais encanto na hora da despedida...

Um comentário:

mrgrd disse...

Para que estuda e trabalha (não que eu tenha muitas horas de trabalho) acabar o curso é entrar em férias...